Arquivo da categoria ‘Olavo Bilac

149 anos de Olavo Bilac   Leave a comment

Falando em Literatura...

O poeta e jornalista Olavo Bilac (Rio de Janeiro, 16/12/1865 – 28/12/1918) foi membro fundador da Academia Brasileira de Letras e pertencente ao parnasianismo, um movimento literário que começou na França no século XIX e que tinha como lema “a arte pela arte”, contradizendo as ideologias e excesso de sentimentos do Romantismo e o tom político do Modernismo. Um dos poemas mais conhecidos de Bilac é “Língua Portuguesa”, que inspirou a Caetano Veloso e Gilberto Mendonça, ele mostra a nossa língua como sendo contraditória, complexa, difícil e bela:

LÍNGUA PORTUGUESA (Olavo Bilac)

Última flor do Lácio, inculta e bela,
És, a um tempo, esplendor e sepultura:
Ouro nativo, que na ganga impura
A bruta mina entre os cascalhos vela…

Amote assim, desconhecida e obscura,
Tuba de alto clangor, lira singela,
Que tens o trom e o silvo da procela
E o arrolo da saudade e da ternura!

Amo o teu viço agreste…

Ver o post original 167 mais palavras

Publicado 16/12/2014 por Berma em Escritores, Notícias, Olavo Bilac

Etiquetado com ,

Os Livros…   Leave a comment

tumblr_m555smpTK11qdeci7o1_500

Publicado 15/03/2013 por Berma em Mensagens, Olavo Bilac

Etiquetado com , ,

Olavo Bilac   Leave a comment

tumblr_mctcj6inIF1qced37o1_500
“Os livros não matam a fome, não suprimem a miséria, não acabam com as desigualdades e com as injustiças do mundo, mas consolam as almas, e fazem-nas sonhar”
— Olavo Bilac

Publicado 12/03/2013 por Berma em Olavo Bilac, Poesias

Etiquetado com ,

%d blogueiros gostam disto: