Arquivo da categoria ‘Fernando Pessoa

Porque o humano é imperfeito!!!   Leave a comment

tumblr_l92qtb2g5X1qbqxup

“Adoramos a perfeição, porque não a podemos ter; repugná-la-íamos, se a tivéssemos. O perfeito é desumano, porque o humano é imperfeito.”

Fernando Pessoa

Publicado 22/04/2013 por Berma em Fernando Pessoa

Etiquetado com

Abandonar as roupas usadas…   Leave a comment

20090129174323

“Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia: e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos.”

Fernando Pessoa

Publicado 22/04/2013 por Berma em Fernando Pessoa

Etiquetado com

Sim, sei bem…   1 comment

lendo
“Sim, sei bem
Que nunca serei alguém.
Sei de sobra
Que nunca terei uma obra.
Sei, enfim,
Que nunca saberei de mim.
Sim, mas agora,
Enquanto dura esta hora,
Este luar, estes ramos,
Esta paz em que estamos,
Deixem-me crer
O que nunca poderei ser.”
— Fernando Pessoa

Publicado 27/03/2013 por Berma em Fernando Pessoa, Poesias

Etiquetado com ,

Escreve.   Leave a comment

tumblr_m8klkc9psG1qff2zyo1_500
“Não grites, não suspires, não te mates: escreve.”
— Fernando Pessoa

Publicado 25/03/2013 por Berma em Fernando Pessoa, Poesias

Etiquetado com ,

Um espetáculo de mim mesmo…   Leave a comment

the_wind_knows_my_name_by_orhanokay
“Eu tenho uma espécie de dever, dever de sonhar, de sonhar sempre, pois sendo mais do que um espetáculo de mim mesmo, eu tenho que ter o melhor espetáculo que posso. E, assim, me construo a ouro e sedas, em salas supostas, invento palco, cenário para viver o meu sonho entre luzes brandas e músicas invisíveis.”
— Fernando Pessoa

Publicado 15/03/2013 por Berma em Fernando Pessoa, Poesias

Etiquetado com ,

Felicidade – Fernando Pessoa   6 comments

dancando-mulher-feliz_4355
“Não se acostume com o que não o faz feliz. 
Revolte-se quando julgar necessário. 
Alague seu coração de esperanças, mas 
não deixe que ele se afogue nelas
Se achar que precisa voltar, volte! 
Se achar que deve seguir, siga! 
Se estiver tudo errado, começe novamente
Se estiver tudo certo, continue
Se sentir saudades, mate-a! 
Se perder um amor, não se perca 
Se o achar, segure-o!”
— Felicidade – Fernando Pessoa

Publicado 13/03/2013 por Berma em Fernando Pessoa, Poesias

Etiquetado com ,

Daquele que não veremos nunca…   Leave a comment

imagem2
“Só o mar das outras terras é que é belo. Aquele que nós vemos dá-nos sempre saudades daquele que não veremos nunca…”
— Fernando Pessoa, O Eu profundo e os outros eus.

Publicado 13/03/2013 por Berma em Fernando Pessoa, Romances

Etiquetado com ,

%d blogueiros gostam disto: