Vinicius de Moraes – Procura-se uma rosa   2 comments

rose-red_8272-400x489

Silêncio, silêncio
Que melancolia
Perdeu-se uma rosa
De dia, de dia.

Tristeza, tristeza
Que vida vazia
Perdeu-se uma rosa
Quem a encontraria?

Como era formosa
Que pele macia
Perdeu-se uma rosa
Morreu a poesia.

Ó rosa da aurora
Ó rosa do dia
Só a noite escura
Te receberia.

Se virem a rosa
Na sua agonia
Ó digam à bela
À rosa macia
Que a vida sem ela
Não tem alegria.

Vinicius de Moraes – Trecho de “Procura-se uma rosa”

Publicado 17/12/2014 por Berma em Escritores, Poesias, Vinicius de Moraes

Etiquetado com , ,

2 Respostas para “Vinicius de Moraes – Procura-se uma rosa

Assinar os comentários com RSS.

  1. Coisa mais linda!!!!….só tenho posso dizer ” Se virem a rosa
    Na sua agonia…..

    • Lindo né vida!!!!
      Tinha certeza que você ia gostar desse poema de Vinicius!!!

      “Ó digam à bela, à rosa macia, que a vida sem ela não tem alegria.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: